O que é o crítico interno

por | 10, ago 2020 | Desenvolvimento Pessoal | 0 Comentários

Você já ouviu uma espécie voz interior que sempre parece exigir mais e mais de você? Tipo quando você vai fazer algo diferente na sua vida e de repente ouve um “poderia ficar melhor”? Esse é seu crítico interno.

Não, você não está ficando louco!

Todo mundo tem essa voz interior que, normalmente, aparece para te ajudar a tomar uma decisão ou chegar a alguma conclusão.

Mesmo que pareça estranho, você sempre está conversando com você mesmo.

O maior problema é que nem sempre essa voz é agradável ou “boazinha”, ela pode ser bem cruel às vezes e, caso você não saiba controla-la, pode te fazer mais mal do que bem.

Então como saber quando a voz tem o objetivo de ajudar ou prejudicar? 

Bem, assim como as pessoas que estão presentes na sua vida, nem sempre tudo coopera para o seu bem-estar e o seu crítico interno funciona a partir do mesmo princípio.

Ser uma pessoa crítica não é ruim, analisar os prós e contras antes de tomar decisão também não, mas precisa ser dosado. 

Existe uma diferença bem grande entre analisar as possibilidades focando na evolução e a auto sabotagem. Continue lendo para compreender melhor.

Os principais tipos de críticos internos 

O primeiro ponto importante é que saber que esse crítico interno surgiu porque nosso cérebro foi criado para focar na sobrevivência da raça humana.

Sendo assim, mesmo quando você é sabotado por esses pensamentos, de alguma maneira, mesmo que inconscientemente, você está tentando sobreviver.

Nesse sentido, é possível amenizar e até mesmo calar essa voz caso apareça essa necessidade, ou seja, se isso estiver atrapalhando seu crescimento.

Observe abaixo alguns dos principais.

  1. O mártir

Sentimento que te faz sentir vítima das circunstâncias. Esse crítico objetiva criar mais conexão com as outras pessoas, só deseja ser ouvido.

O seu subconsciente assimila que se você for o “coitadinho”, receberá mais atenção, então você começa a focar nas suas histórias ruins e as contas para com essa finalidade.

  1. Cara legal

Esse crítico interno é bem comum em pessoas que possuem o valor do reconhecimento muito forte.

A necessidade aqui é de aceitação e se sentir suficiente. Pessoas assim, costumam fazer favores em excesso, estão sempre disponíveis e tendem a colocar as necessidades dos outros acima das próprias.

  1. O perfeccionista

Você já deixou de entregar um projeto ou um trabalho porque na tua cabeça ele podia ficar melhor de algum jeito?

Se sim, culpe o perfeccionista que vive dentro de você. Esse crítico sempre quer excelência em tudo o que faz e não gosta da sensação de ter de algo fora do lugar.

  1. Escoteiro

É assim chamado por se assemelhar a característica principal dos escoteiros: estar sempre em alerta.

Pessoas assim tendem a ouvir uma voz que chega a ser neurótica, os preparos vão desde conhecimento excessivo prévio até planejamentos infinitos.

  1. O analista

Esse crítico te faz acreditar que as emoções não fazem sentido na nossa vida, que o certo é você não ter emoção e tomar decisões apenas pela lógica.

Lembre-se que não é ruim deixar-se levar pelas emoções, mas é preciso encontrar um equilíbrio entre a razão e a emoção para viver bem.

  1. Medroso

Esse crítico interno acaba te fazendo aceitar o que não quer ou não gosta apenas para não entrar em uma discussão. 

Isso pode, inclusive, te impedir de alcançar mais.  

Conclusão 

Portanto, quando essa voz vier, procure escuta-la com atenção e analise se ela pode te agregar algo. Escutar ao crítico interno de forma consciente é uma maneira de se proteger sem deixar de arriscar.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.