Por que respondem torto os adolescentes? Como lidr com eles?

por | 26, ago 2020 | Coaching | 0 Comentários

Os pais sempre ficam ansiosos para a chegada da adolescência como uma forma de autoafirmação (“será que eu soube criar bem?”). De alguma maneira, os pais associam como sua responsabilidade o bom comportamento dos filhos adolescentes e o mau também.

A típica visão de jovens é bem representada em vários filmes, como figuras revoltadas, sempre irritados, que fazem birra, fingem que não ouvir, estão sempre mentindo e respondem torto sempre que podem.

Dos exemplos citados, normalmente, as respostas atravessadas são os que mais incomodam os pais, porque torna impossível o convívio dentro de casa.

A verdade é que os pais não fazem nem ideia do que está se passando na cabeça dos filhos para eles agirem dessa forma e acabam se sentindo culpados.

Nesse sentido, a psicologia pede uma nova análise da situação, ao invés de considerar o “responder mal” como um mau comportamento que exige punição, pense nele como sendo um pedido de ajuda.

Os adolescentes, normalmente, são orgulhosos demais para informar que alguma coisa não vai bem, ainda mais porque eles gostam de sentir como se fossem independentes. 

Logo, a resposta torta dos seus filhos costuma indicar uma falta de comunicação na casa que pode ser resolvida sem muitos problemas. Continue lendo para entender mais.

Por que a adolescência é um período tão difícil? 

A adolescência é difícil porque é uma fase de mudança, um período de muita construção e destruição, em que os jovens começam a descobrir do que eles gostam e quem são ou quem querem ser.

Isso pode ser um problema grande para eles, os tornando constantemente irritadiços com tudo por conta da quantidade de descobertas existentes na vida. 

Além disso, existem outros motivos que contribuem para a complexidade do período, como, por exemplo:

  • É nessa fase que se inicia o processo de autonomia, diversos pensamentos sobre o futuro, profissão, relacionamento e tudo o que pode leva-los a independência. 

É aqui também que o medo se faz presente. Os adolescentes se sentem apavorados com a possiblidade de fracassar e ter que depender dos pais para o resto da vida. 

Lembre-se de que eles são imediatistas, não conseguem enxergar o “não deu certo agora, mas se eu continuar tentando vou conseguir”. Por isso, estão sempre uma pilha de nervos  

  • Na adolescência há a uma maior consciência de si mesmo, em relação as transformações físicas que o corpo vem enfrentando, a produção hormonal e todas as questões emocionais. 

Sendo assim, esse fluxo acelerado de modificações pode provocar comportamentos menos habituais.

Assim, os adolescentes começam a ser mais difíceis justamente por ser difícil lidar com tudo que está acontecendo com eles.

Algumas dicas para lidar com os adolescentes

A adolescência também não é um período nem um pouco fácil para os pais, porque eles começam a sentir que os filhos estão os afastando cada vez mais.

Como mencionado, nem os adolescentes sabem como lidar com o que estão enfrentando e sentindo, então tudo parece estar desmoronando.

Pensando nisso, algumas dicas podem te ajudar a achar um ponto de equilíbrio em casa para passar por essa fase de forma mais tranquila.

  • Trate seu filho adolescente como adulto: às vezes é difícil para os pais se livrarem da visão infantil que ainda tem dos filhos, mas se esforce para conseguir isso. Afinal, ele não é mais criança.
  • Evite fazer críticas: fale de maneira gentil e sempre como se fosse uma sugestão, não ordem.
  • Seja claro quanto as regras da casa e, principalmente, quanto as consequências caso não sejam respeitadas.
  • Deixe que ele participe das decisões da casa 
  • Saiba dar espaço em momentos que seus filhos estiverem mal-humorados.
  • Seja compreensível e disposto a dialogar.

Conclusão

Busque manter a calma para não perder a sua razão, adolescentes são difíceis, mas confie sempre na criação que você deu.

Essa fase vai passar, paciência!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.