Porque tantas pessoas tem medo de vender?

por | 27, jul 2020 | Dinheiro | 0 Comentários

Existem no mundo milhões de pessoas altamente qualificadas, muito profissionais, com ideias extraordinárias, com serviços que podem melhorar a vida das pessoas que estão à volta, com talentos inatos que muitas vezes nem sequer saem do papel ou que quando saem, são empresas que às vezes não vingam, que não são bem sucedidas ou que não permitem aos seus donos ganhar dinheiro com elas. 

Porquê é que isto acontece? Porquê é que as pessoas temos tanto medo de vender os nossos produtos e serviços ou até a nós próprios? Porquê preferimos ficar calados e não ter sucesso em vez de vender o que melhor sabemos fazer?  

Talvez seja porque para muitos de nós, vender é sinónimo de expor os nossos medos, medo de ser rejeitado, medo de não ser aceite, medo de sentir-me ridículo ou estúpido… E por isso, muitas vezes, preferimos não vender o que fazemos, mesmo que isso signifique não sermos bem-sucedidos, antes de nos expormos perante os outros. Será isso?

Desde sempre, o ser humano procura ser aceite no seu grupo e desde crianças somos educados nesse sentido. Ensinam-nos que é melhor pertencer à maioria do que destacar com uma ideia que possa ser considerada louca. Dizem que só os loucos acham que podem mudar o mundo, mas são só os loucos os que efetivamente têm a coragem de o mudar. Talvez, na venda, aconteça mais ou menos o mesmo. 

Talvez seja necessário um toque de loucura para passar por cima dos nossos medos e vender o nosso produto ou serviço aos outros. E há algo tremendamente poderoso que pode fazer com que deixemos de lado todos os nossos medos e nos lancemos de forma corajosa a vender o que fazemos, o que temos, e o que somos: é encontrar o nosso propósito. 

Quando amamos o que vendemos, tudo se torna muito mais fácil. Quando acreditamos que o que fazemos pode mudar a vida da outra pessoa, os medos desaparecem. O que importa um milhão de “não” quando encontramos a nossa missão de vida? Venda, do latim, significa valorizar a mercadoria. Então, quando vendemos com propósito, não só estamos a valorizar o nosso produto ou serviço, também estamos a valorizar quem somos e a valorizar algo ainda mais importante: aos nossos clientes. Quando lhes damos a oportunidade de comprar o que nós vendemos, estamos a torna-los importantes. 

O medo da venda desaparece quando acreditamos que o que fazemos pode mudar o mundo. O medo da venda desaparece quando deixamos de lado o nosso ego e quando deixa de importar receber um não ou um sim. A venda não acontece quando recebemos o dinheiro da troca, a venda acontece quando mudamos a vida da outra pessoa com o que fazemos e quando pomos ao serviço dos outros os nossos talentos. 

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.